DOENÇA DE HODGKIN: CUIDADOS DE SEGUIMENTO

As pessoas com doença de Hodgkin devem ser seguidas e realizar exames com regularidade depois do tratamento e durante toda a sua vida. Os cuidados de seguimento são uma parte importante do processo global de tratamento e as pessoas que tiveram cancro não devem hesitar em discutir esse assunto com o seu médico.

Com o tipo de tratamentos da doença de Hodgkin (radioterapia e quimioterapia) após vários anos de evolução, os doentes têm maior probabilidade de vir a sofrer de leucemia, linfoma não Hodgkin e cancros do cólon, pulmões, ossos, tiróide e mama. Os cuidados de seguimento regulares garantem que os doentes são cuidadosamente vigiados, que quaisquer alterações do estado de saúde são discutidas e que um novo cancro, ou um cancro recorrente, pode ser detectado e tratado o mais precocemente possível. As pessoas que tiveram doença de Hodgkin devem comunicar imediatamente quaisquer problemas de saúde que surjam no período entre as consultas de seguimento.

Este site e o seu conteúdo têm um fim exclusivamente informativo e não substituem o aconselhamento médico. Os tratamentos de cada pessoa devem ser individualizados e conduzidos por profissionais de saúde, sendo o médico que acompanha o doente quem poderá indicar qual o tratamento adequado a cada caso. As instruções do médico e dos restantes profissionais de saúde que o acompanham devem ser rigorosamente seguidas, pelo que sugerimos que contacte sempre o seu médico.