CANCRO DA PELE (não Melanoma): DIAGNÓSTICO

Se tiver uma alteração da pele, o médico deve procurar saber se se trata de cancro ou se é devida a outra causa. O médico poderá remover a totalidade ou parte da área de aspecto anómalo, que será depois enviada analisada macroscopicamente por um patologista. A este processo dá-se o nome biópsia, que é a única forma segura para diagnosticar o cancro de pele.

A biópsia pode ser feita num consultório médico, numa clínica ou no hospital, em regime ambulatório. A escolha do local depende do tamanho e da localização da área afectada. Em geral, para a realização deste procedimento é administrada anestesia local.

Existem quatro tipos principais de biópsia da pele:

  1. Punção-biópsia: O médico utiliza um dispositivo oco e afiado para remover um círculo de tecido na área afectada.
  2. Biópsia incisional: O médico utiliza um bisturi para remover parte da neoplasia.
  3. Biópsia excisional: O médico utiliza um bisturi para remover a totalidade da neoplasia e algum tecido adjacente.
  4. Excisão tangencial: O médico utiliza uma lâmina fina e afiada para cortar a neoplasia.

Poderá querer colocar ao seu médico as seguintes questões antes de realizar uma biópsia:

  • Que tipo de biópsia me recomenda?
  • Como será realizada a biópsia?
  • Terei necessidade de ir para o hospital?
  • Quanto tempo demorará? Estarei acordado? Vai doer?
  • Existem alguns riscos? Quais são as probabilidades de ocorrer uma infecção ou hemorragia depois da biópsia?
  • Qual será o aspecto da minha cicatriz?
  • Quando saberei os resultados? Quem mos irá explicar?
Este site e o seu conteúdo têm um fim exclusivamente informativo e não substituem o aconselhamento médico. Os tratamentos de cada pessoa devem ser individualizados e conduzidos por profissionais de saúde, sendo o médico que acompanha o doente quem poderá indicar qual o tratamento adequado a cada caso. As instruções do médico e dos restantes profissionais de saúde que o acompanham devem ser rigorosamente seguidas, pelo que sugerimos que contacte sempre o seu médico.