Conselhos para viajar

Para o doente com AR viajar pode ser desconfortável e doloroso. Mas isso não deve ser motivo para desistir. No entanto aconselhe-se sempre com o seu médico antes de planear uma viagem.

Estes conselhos podem ser úteis:

  • Use um travesseiro de avião como apoio, tanto para as partes inferior e média das costas como para o pescoço;
  • Sente-se nas filas com mais espaço (geralmente a primeira e a fila da saída de emergência) ou corredor, para ter mais espaço para as pernas;
  • Prefira malas com rodinhas;
  • No caso de ter que percorrer longas distâncias nos aeroportos, estações de comboios ou autocarros, não se intimide caso necessite de solicitar uma cadeira de rodas;
  • Use roupa e calçado confortáveis;
  • Informe o pessoal de bordo se precisar de se levantar e alongar e explique a sua situação;
  • Assim que embarcar, solicite travesseiros extras, já que geralmente não há muitos nos aviões, e explique o porquê do seu pedido;
  • A desidratação é comum durante os vôos e pode afectar a acção da medicação no seu organismo. Por isso, leve ou peça água durante a sua viagem;
  • Se tiver dificuldade em se deslocar à casa de banho, peça ajuda ao pessoal de bordo;
  • Sente-se sempre de maneira correcta ? direita ? porque se se curva demais, as suas costelas podem começar a incomodá-lo;
  • Lembre-se de levar medicação necessária e suficiente (ou prescrições médicas). Aconselhe-se com o seu médico antes da viagem.
Este site e o seu conteúdo têm um fim exclusivamente informativo e não substituem o aconselhamento médico. Os tratamentos de cada pessoa devem ser individualizados e conduzidos por profissionais de saúde, sendo o médico que acompanha o doente quem poderá indicar qual o tratamento adequado a cada caso. As instruções do médico e dos restantes profissionais de saúde que o acompanham devem ser rigorosamente seguidas, pelo que sugerimos que contacte sempre o seu médico ou farmacêutico.