Grupos de risco

  • Familiares ou parceiros sexuais de pessoas infectadas
  • Pessoas que não estejam vacinadas ou que não tenham os anticorpos necessários
  • Médicos e paramédicos que trabalhem em hospitais
  • Viajantes para países menos desenvolvidos onde a doença é endémica
  • Toxicodependentes que usam agulhas não esterilizadas
  • Tratadores de macacos
  • Pessoas que trabalham na recolha e processamento de lixo e nos esgotos
  • Homossexuais masculinos
  • Frequentadores e pessoal que trabalha em instituições comunitárias, nomeadamente infantários, escolas, refeitórios, entre outras