Farmacovigilância

A Farmacovigilância e a Saúde dos Doentes

Os medicamentos (ou fármacos) trouxeram extraordinários benefícios, no entanto, nenhum deles é 100% seguro para todos os doentes em todas as condições e alguns doentes poderão sentir efeitos secundários.

Os ensaios clínicos realizados e que servem de base à aprovação dos medicamentos, pelas Autoridades Regulamentares, são fundamentais para determinar a segurança e a eficácia de novos medicamentos.

Alguns efeitos secundários e riscos associados ao uso de medicamentos apenas serão descobertos após os ensaios clínicos de aprovação, quando o medicamento for usado  por um número elevado de doentes, durante a prática clínica como, por exemplo, os efeitos secundários raros e de aparecimento tardio; para outros já detetados durante os ensaios clínicos, a frequência de ocorrência pode alterar.  

É por este motivo que vigiar e notificar os efeitos secundários é tão importante e a notificação espontânea assume um papel fundamental.

A Farmacovigilância é essencial para uma utilização mais segura e eficaz dos medicamentos.

Quanto mais profundo e detalhado for o conhecimento dos medicamentos e dos seus riscos associados, e essa informação for partilhada de forma atempada com doentes e profissionais de saúde, mais segura será a sua utilização.

É essencial a participação de todos nós, enquanto cidadãos, enquanto doentes, enquanto profissionais de saúde.

Notifique pela sua saúde e pela saúde dos doentes.

 

PT/NONP/1017/0020(1), Jan 2018