Tipos de Hepatite

Como Viajar?

Em caso de hepatite aguda, o melhor é adiar a viagem para mais tarde pois o tratamento exige muito repouso. Na hepatite crónica não é aconselhável a permanência em casa nem deve abdicar de passeios que planeou fazer. As viagens são possíveis e também se aplica o princípio de necessidade de equilíbrio e bom senso, de controlo e atenção aos factores que possam ser prejudiciais ao fígado.

Durante as viagens, sobretudo se o destino for um país em desenvolvimento, com clima quente e condições de saneamento básico duvidosas, deve evitar beber água e gelo de origem desconhecida, ter atenção à preparação das refeições e não ingerir alimentos que possam ter sido mal lavados ou mal cozinhados, já que estes podem ser transmissores dos vírus das hepatites A e E. Os especialistas aconselham, também, a vacinação contra as hepatites A e B, principalmente, quando se viaja para zonas endémicas e se nunca se teve contacto com os vírus que as provocam.

Desde que se tenham estes cuidados, todo e qualquer país do planeta está ao alcance dos doentes com hepatite.