CUF vence a 2ª edição do prémio Desafios em Anatomia Patológica 

"Desafios na Avaliação PD-L1" foi o tema central do trabalho

A segunda edição do prémio Roche Desafios em Anatomia Patológica foi lançada com o objetivo de contribuir para a reflexão acerca da importância, dos desafios atuais e do futuro do Controlo de Qualidade em Imuno-histoquímica e seu impacto no laboratório e na qualidade clínica.

A Roche Sistemas de Diagnósticos congratula todos os participantes e agradece os trabalhos recebidos, que chegaram de grupos representativos de diversas instituições públicas e privadas.

Conheça aqui os vencedores da 2.ª edição do prémio Roche Desafios em Anatomia Patológica.

Trabalhos vencedores

  • 1.º Lugar - 1.500€

Hospital CUF Descobertas 

"Desafios na Avaliação PD-L1" (Aceda ao trabalho)

  • 2.º Lugar - 1.000€

​Instituto Português de Oncologia 

"Análise de lâminas não conformes"

  • 3.º Lugar - 500€

​Histocit 

"Papel da TMA no controlo de qualidade em imunohistoquimica"

 

A decisão de atribuição dos prémios foi realizada por um Júri constituído por cinco elementos, 4 independentes e 1 por parte da Roche, e foi comunicada ontem, no dia 8 de junho de 2017, na 9ª edição da Reunião Personalised Healthcare in Oncology.

Os trabalhos a concurso indicaram claramente os pontos de melhoria que os Profissionais de Saúde identificam na sua rotina e, perante essas necessidades, abordaram que evoluções metodológicas poderão contribuir para a resolução destes desafios.